Malanje: UNTA-CS quer criação de estratégias para reforço da cultura sindical!!



28 Junho de 2016

Malanje- O secretário-geral da União Nacional de Trabalhadores Angolanos - Confederação Sindical (UNTA-CS), Manuel Augusto Viage, defendeu segunda-feira, nesta cidade, a articulação de estratégias que visam o reforço da cultura sindical ao nível da província, com vista a fazer face ao crescimento da população empregada na região.
O responsável sindical assumiu essa posição à saída de um encontro que manteve com o vice-governador provincial para o sector económico, Domingos Eduardo, com quem abordou questões sobre a situação da UNTA-CS em Malanje, assim como passaram em revista assuntos relacionados com a actual situação económica e social do país e o seu impacto nas empresas e, consequentemente, na vida dos trabalhadores.

De acordo com Manuel Viage, fruto do desenvolvimento da província de Malanje, resultante da implementação de distintos projectos de grande envergadura que têm gerado cada vez mais postos de trabalho, urge a necessidade do crescimento sindical, de modo a garantir o cumprimento dos direitos que a lei confere aos trabalhadores.
“Por isso, todos temos que arregaçar as mangas, para a concretização deste propósito e de outros, que estejam em consonância com as estratégias estabelecidas pelo governo, consubstanciadas na redução do impacto da crise económica”, acrescentou.

O secretário-geral frisou que o desenvolvimento e consciencialização para a necessidade da cultura sindical na província permitirá a harmonização da relação laboral entre trabalhadores e entidades empregadoras, uma vez que Malanje representa uma das províncias que regista um franco desenvolvimento nos diferentes sectores.

O secretário-geral da UNTA-CS, Manuel Augusto Viage, trabalha desde segunda-feira na província, onde vai desenvolver uma jornada de trabalho de 3 dias, durante a qual vai inteirar-se do nível de organização das estruturas da UNTA-CS.
Durante a sua estada em Malanje, o secretário-geral vai manter igualmente encontros com os membros da União dos Sindicatos de Malanje, dos sindicatos da educação, cultura, juventude e desportos e comunicação social, assim como vai presidir à assembleia plenária da organização.

Fonte: Angop- Agência de noticias






União Geral dos Trabalhadores de Angola